A maioria dos novos empreendedores que conheço, quer estar presente nas mídias sociais de alguma forma. A quase totalidade deles sabe que é de fundamental importância estar no Facebook e no Twitter para estabelecer um contato mais estreito com os seus clientes. Isso é fato e todo mundo já sabe, mas afinal, por que as pessoas seguem uma marca?

Hoje os consumidores querem acompanhar e participar ativamente das redes de suas marcas favoritas na Internet como se eles fossem seus próprios donos. Muitas empresas tem investido em suas estratégias de marketing e relações públicas para se adaptarem a esse novo comportamento online. Se uma empresa não marcar presença nas redes ela passará a ser mau vista, considerada retrógrada e antipática pelo mercado. Se ela marcar presença e não participar de suas próprias comunidades, será considerada negligente e fatalmente perderá clientes. Agora, se uma empresa participar ativamente das redes – respondendo às solicitações dos clientes, fazendo comentários amistosos, criando conteúdo e promoções especiais – estará fidelizando e aumentando seus “seguidores”.

Tudo isso parece simples, mas não é. Eu diria que marcar presença nas redes é a parte mais fácil. O problema é manter a comunicação e gerar conteúdo constante. De acordo com o infográfico abaixo, 40% dos usuários do Facebook, Twitter e MySpace passaram a seguir suas marcas favoritas apenas para obter acesso a descontos e promoções. Mas isso não é uma informação para desanimar. A maioria das pessoas que seguem “suas marcas” preferidas, compra delas e as recomenda aos amigos.

Vejam o infográfico da Get Satisfaction (veja o botão laranja “feedback” aqui do lado direito de nossa página) para entender o que acontece quando os clientes passam a seguir suas marcas favoritas na Internet e por que toda empresa deveria investir nessas ações de marketing online. E você já tem uma página de sua empresa no Facebook? Como ela está indo? Deixe o link aqui nos comentários.

Via: Get Satisfaction

SmartBusinessPlan