Quando falamos do filme Minority Report, o que vem na sua mente em primeiro lugar? Quem imaginou Tom Cruise utilizando luvas especiais na frente de uma tela translúcida do tamanho de uma parede pensou certo. Aquelas foram as cenas mais marcantes do filme. E não era para menos. Quem não queria um computador como aquele? Fico feliz em informá-los que aquela tecnologia existe e se chama g-speak. Sim, a ficção científica se tornou real mais uma vez.

Segundo John Underkoffler, – líder da equipe que desenvolveu o projeto e consultor científico do filme de Spielberg – muito em breve teremos essa tecnologia nativa em todos os computadores do mundo. No momento, sua empresa, a Oblong Industries está desenvolvendo aplicativos para a indústria aeroespacial, de bioinformática e para edição de vídeos.

Assistam a palestra da TED, onde ele explica como o g-speak funciona. É sensacional. Ele arrancou aplausos calorosos da platéia. Depois de assistirem ao vídeo, deixem um comentário explicando como essa tecnologia seria útil para a sua empresa. Não precisa fazer um exercício de futurologia. O futuro já chegou e a interface com o mundo digital nunca mais será a mesma ;-)

GestãoClick Gestão Empresarial

  • walter

    nada mais que a evolução do mouse…

    legal, porem nao acho fantastico!

  • Walter, depois do filme, a tecnologia não é mais uma novidade, mas que é interessante isso é, na minha opinião. Claro que tem muitos problemas pela frente e não é em qualquer aplicação que ela se dará bem.

    Fantástico mesmo, seria uma tecnologia que captasse nossos pensamentos e transferisse para o computador. Seria muito legal apenas olhar para a tela do computador e conduzir o mouse ou mesmo abrir os programas só pensando. Sei que já tem alguns estudos em relação a isso, mas ainda vai demorar para acontecer.

    O que você acha?