Eu não queria ser fatalista, mas não tive outra opção. Sexta-feira dia 10/10, um dos maiores e mais importantes fundos de investimento americano para empresas de tecnologia, o Sequoia Capital, avisou às empresas que financia – nada menos que Google, Yahoo, Apple, etc. – em uma apresentação de slides às avessas, que se preparem pois a coisa vai ficar feia.

Como podem ver abaixo, a apresentação começa com um túmulo e gira em torno do humor negro. Muitos gráficos explicam o mercado de ações desde os anos 90 (alguns mostram os anos 70 e 80) e atitudes que as startups devem tomar caso não queiram ficar pra trás, entre elas, duas estão em destaque: “cortes de custos são necessários” e “a necessidade de se ter um fluxo de caixa positivo”.

E uma das coisas que mais me chamou a atenção, foi um e-mail de Douglas Leone – um dos maiores capitalistas de risco em empresas de tecnologia e sócio da Sequoia Capital – para Michael Moritz, um de seus sócios e também um dos membros do corpo diretor do Google. No e-mail Douglas diz “batten down the hatches… it is going to be a rough ride”, algo como “fechem as escotilhas porque a tempestade será forte” e ainda que as companhias que não tiverem o mínimo de caixa em banco estarão com problemas. E para completar, ele reenvia um e-mail que mandou em 2000, em função do primeiro “estouro da bolha”.

E para encerrar, a apresentação simplesmente termina assim: Caia na Real ou Vá para Casa!

A palavra “crise” em japonês é representada por um ideograma que é composto por dois outros e que significam respectivamente: “Risco” e “Oportunidade”. Bem, se já detectamos os riscos, resta-nos ver agora, as oportunidades.

Confiram a apresentação da Sequoia Capital no slide abaixo:


Sequoia Venture Capital Warning to CEOs – Get more Business Plans

Fonte: Idéia 2.0