A Uuanted, startup brasileira com foco na compra e venda pela Internet, acaba de ser lançada simultaneamente no Brasil e nos Estados Unidos com um diferencial sobre os demais players existentes no mercado: a plataforma prioriza a iniciativa de quem deseja comprar, e não o contrário. Até o final do ano, a empresa espera bater a marca dos 10 milhões de negócios realizados em terras brasileiras e 40 milhões nos EUA.

“A ideia surgiu porque percebemos que não havia ferramentas que privilegiavam o comprador. Decidimos explorar esta oportunidade, criando uma tecnologia que dê voz àquele que representa o principal foco de todas as empresas: o cliente”, explica Alessandro Eder Glass, sócio fundador da Uuanted.

Segundo ele, a dinâmica da plataforma representa uma opção inédita para o comércio, uma vez que estabelece novas formas de conexão entre vendedores e consumidores. “Nosso objetivo é garantir mais praticidade ao processo, dando voz a quem detém o capital”, diz Glass.

Ele revela que a tecnologia da Uuanted levou um ano para ser totalmente desenvolvida, utilizando a linguagem React Native – a mesma empregada em aplicativos como Facebook, Instagram, UberEATS, Airbnb e Nubank. Pela ferramenta, que já está disponível Play Store e na Apple Store, além da versão Web, o comprador pode criar anúncios detalhados sobre produtos e serviços que desejem comprar ou contratar, o que inclui pontos indispensáveis, desejáveis, aceitáveis ou inaceitáveis. O pagamento pode ser feito dentro da Uuanted, por meio do Paypal.

Para anunciar no aplicativo, não há custos por parte do comprador. Durante o primeiro ano de operação, os vendedores também estão livres de taxas e comissões, mas Glass afirma que a empresa está avaliando os modelos de negócios a serem adotados, a partir do ano que vem. “Nosso interesse hoje é popular a plataforma sem custo para os usuários, tanto no Brasil quanto nos Estados Unidos”, esclarece.

Para crescer, a empresa desenhou uma estratégia de Marketing de Afiliados, tipo de relação comercial na qual outras empresas divulgam os produtos, em troca de uma comissão por cada venda realizada. A ideia é que o programa seja implantado na empresa ainda neste semestre.

A meta da empresa é atingir mais usuários em sua base, no Brasil e nos Estados Unidos, até 2021. “O mercado norte-americano vem se mostrando bem mais maduro em relação ao brasileiro. Esperamos um crescimento mais voluptuoso por lá, já neste primeiro ano de operação”, finaliza.

CoiNext

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here