De acordo com a publicação anual do Project Management Institute – PMI, a Pulse of the Profession, divulgada em maio de 2016, as organizações ao redor do mundo estão desperdiçando US$ 122 milhões para cada US$ 1 bilhão investido devido ao fraco desempenho do projeto – um aumento de 12% sobre o ano passado.

Nesta segunda-feira (30) a startup gaúcha de gestão de projetos Work Box lança o programa Projeto Startup Ágil que incentiva o ecossistema de startups em todo país.

A iniciativa visa fornecer durante 180 dias uma ferramenta completa de gestão de demandas gratuitamente. Com isso as startups podem gerir seus projetos e melhorar sua produtividade sem nenhum custo inicial.

Segundo Anderson Garcia, CEO e um fundadores da Work Box, as startups precisam de apoio: “Uma das partes mais complexas de se ter uma startup é gerir as demandas, estabelecer prioridades e possuir indicadores de tudo o que acontece em relação às atividades diárias.”

Sobre a Work Box

Fundada em janeiro de 2017, tem como premissa que gestão de projetos pode ser simples, desde que as empresas não precisem se adaptar às plataformas existentes no mercado, mas sim o contrário.

A plataforma fornece micro-ferramentas de gestão de projetos, tornando assim o processo de gestão de demandas mais intuitivo e dinâmico.

“Já fomos funcionários e gestores e percebemos que o problema da gestão não são os profissionais, mas sim, o processo” afirma Kahuê Costas, o CTO da Work Box.

Este foi um dos motivos que levou os empreendedores a criar uma nova solução e também ajudar outras startups no seu dia a dia.

Para as startups que quiserem conhecer o projeto basta acessar o link da ferramenta de gestão de projetos e fazer o cadastro de forma gratuita para receber os benefícios.

SmartBusinessPlan


DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here