Eu tenho que confessar, de vez em quando eu uso e abuso das Startbucks & Fran’s Cafés que tem por aí. Sempre que eu estou na rua em visitas a clientes, e preciso trabalhar em alguma coisa importante no notebook, eu não penso duas vezes, eu aterrisso nas Starbucks do Shopping Villa Lobos, Eldorado, Morumbi ou qualquer outra que surge no meu caminho.

A atmosfera das cafeterias estimulam a minha produtividade. Como ninguém me conhece, não tem ninguém para interromper o meu trabalho. Além do que, eu gosto da idéia de trabalhar em um lugar novo e diferente todas as semanas. Estimula a minha criatividade.

O que você conseguiria produzir em duas horas de trabalho sem ninguém para te interromper? Muito!

As cafeterias em São Paulo estão se transformando em verdadeiros centros de trabalho. É muito comum encontrar mais de uma dezena de pessoas trabalhando as 16:00 hs da tarde nas Starbucks da cidade de São Paulo.

Estudantes, profissionais liberais, vendedores em reuniões com clientes, executivos tocando entrevistas de emprego com candidatos a vagas estratégicas são algumas das situações que eu encontro nas cafeterias.

J.K. Rowling, por exemplo, autora dos livros do Harry Potter, escreveu grande parte do seu trabalho em diferentes cafeterias inglesas.

Por conta disso, nós não podemos abusar desses escritórios temporários que tanto salvam as nossas vidas.

Confira agora uma série de vinte e uma dicas bem bacanas sobre como trabalhar em uma cafeteria sem abusar da generosidade dos caras:

  1. Compre alguma coisa a cada 2 ou 3 horas.
  2. Use fones de ouvido se precisar ouvir algum áudio.
  3. Compre lanches na hora do almoço ou jantar.
  4. Dê uma boa gorjeta se não comprar muita coisa.
  5. Jogue fora o seu próprio lixo quando você terminar.
  6. Ocupe a menor área possível, mantenha todas as suas coisas bem próximas de você.
  7. Não permaneça por mais de 4 horas sem comprar alguma coisa.
  8. Não acampe na mesa se a loja estiver cheia.
  9. Não faça ligações em voz alta se houver outros tentando trabalhar também.
  10. Não fique o dia inteiro como se fosse o seu escritório.
  11. Se for necessário ficar o dia inteiro, troque de cafeteria a cada 4 horas.
  12. Não abuse da banda larga da internet grátis (se houver).
  13. Não peça para os atendentes tomarem conta das suas coisas, eles tem mais o que fazer.
  14. Use sempre a mesma cafeteria, estabeleça amizade com os baristas.
  15. Se for ficar o dia inteiro, avise os baristas. Apresente-se, diga que você vai aparecer por ali X vezes por semana.
  16. Saia da cafeteria 15 minutos antes da loja fechar. Não faça os baristas terem que te pedir para sair.
  17. Não faça reuniõess com todo o staff da empresa na cafeteria, o número mágico é 4.
  18. Não seja zé mané: não leve a sua própria comida e bebida para a cafeteria.
  19. Não assista nada ofensivo na tela do seu computador.
  20. Tomadas de energia são raras em cafeterias. Plugue um filtro de linha para compartilhar com outras pessoas.
  21. Se você estiver resfriado não apareça para trabalhar em uma cafeteria. Deixe os germes na sua casa!

O que mais? Idéias?

SmartBusinessPlan

  • Ótimo artigo! Você tem razão, os coffee shops estao se tornando as novas salas de trabalho, Lá não pagamos luz, água (a não ser a água mineral) e condomínio. Moro em Londres e por ser freelancer, visito vários cafés para trabalhar e fazer o lanchinho. Mas o lado ruim é que, ao invés de se tornar um lugar para relaxar e ouvir música, eles acabam se tornando um centro de reuniões também e um lugar chato para a discussão de trabalho. Fico queitinho no meu canto, mas chego a ver grupos de 10 pessoas que passam horas lá e comprar apenas uma bebida. Talvez a saída é dividir o espaço entre área de trabalho e de lazer e não atrapalhar quem vai lá apenas para tomar um cafezinho.