Você sabe se a sua empresa já é obrigada a aderir ao sistema do eSocial? Aliás, você sabe o que é o eSocial? Esse sistema será obrigatório para todas as empresas, então é importante estar devidamente preparado.

Em suma, o sistema foi criado para reduzir a burocracia relacionada à prestação de dados por parte dos empregadores ao Governo Federal. Ao invés de preencher e entregar formulários e declarações para o Ministério do Trabalho, para a Receita Federal e para duas outras entidades do governo, as empresas precisarão somente se adequar à prestação de informações ao eSocial. Simples, não é?

Neste artigo veremos o que é eSocial, por que você precisa se enquadrar e o que poderá auxiliá-lo na organização e no envio dos dados obrigatórios. Quer entender um pouco mais sobre o assunto? Então continue acompanhando este artigo!

Entenda o que é eSocial

Esse sistema se baseia na Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. Ele foi instituído pelo Decreto n° 8373, de 11 de setembro de 2014, e consiste em uma nova forma de prestar informações ao Governo Federal.

Leia Também:  Micro, PEs e MEIs Com Empregados Poderão Ingressar no eSocial à Partir de Novembro

Essa iniciativa tem como objetivo unificar as informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas em um banco de dados único, reduzindo assim a burocracia relacionada à comunicação ao governo sobre diversas informações relativas aos colaboradores da empresa, como:

  • contribuições previdenciárias;
  • comunicação de acidentes de trabalho;
  • informações sobre o FGTS;
  • escriturações fiscais;
  • aviso prévio;
  • vínculos;
  • folha de pagamento etc.

O programa tem a participação:

  • do Ministério do Trabalho;
  • do Instituto Nacional do Seguro Social;
  • da Secretaria da Receita Federal do Brasil;
  • da Caixa Econômica Federal.

O eSocial possibilitou que esses 4 órgãos e entidades do governo recebessem todas as informações de uma só vez por meio de apenas uma declaração. Antes elas recebiam as informações de acordo com cada obrigação legal, o que acabava gerando o acúmulo desnecessário dos mesmos dados.

Leia Também:  Como Abrir Uma Empresa MEI: O Passo a Passo Para Formalizar O Seu Negócio

Saiba porque você precisa enquadrar sua empresa no eSocial

O envio de dados por meio do eSocial já se tornou obrigatório para algumas empresas. Se elas não estiverem com a situação regularizada, por exemplo, não poderão quitar suas obrigações com a administração federal – o descumprimento dessas obrigações, por sua vez, poderá gerar penalidades.

Micro e pequenas empresas com um faturamento anual que não ultrapasse R$ 4,8 milhões e MEIs (microempreendedores individuais), por exemplo, poderão ingressar no eSocial a partir de novembro de 2018. Empregadores e contribuintes com faturamento acima de R$ 78 milhões, por sua vez, tiveram que iniciar os envios já em janeiro deste ano.

O eSocial trará vantagens para as empresas, como:

  1. simplificação de processos;
  2. aumento da produtividade;
  3. redução de erros nos cálculos;
  4. maior segurança jurídica;
  5. diminuição de gastos e do tempo dedicado às 15 obrigações que serão substituídas por um sistema digital simplificado;
  6. integração de processos etc.

Além disso, ele também garante benefícios aos colaboradores, já que o cumprimento de direitos trabalhistas e previdenciários serão assegurados de maneira mais efetiva.

Utilize um sistema que facilitará as coisas

Apesar de o objetivo principal ser reduzir a burocracia presente no sistema de obrigações fiscais, trabalhistas e previdenciárias, as empresas deverão se esforçar no início para revisar os processos administrativos e contábeis a fim de adequar as suas informações para o eSocial.

Você já está familiarizado com o sistema ERP online?

Ele possibilita a informatização dos dados da sua empresa e a integração de todos os setores, como o de estoque, controle financeiro, de compra e vendas etc. Dessa forma, é possível otimizar os processos internos e organizar a sua companhia de forma geral, deixando-a preparada para o eSocial.

Além disso, é possível acessar a plataforma do sistema de gestão online a qualquer hora e de qualquer lugar, já que ele é online.

Enfim, neste artigo abordamos o eSocial e o porquê de você precisar se enquadrar. Lembre-se de que os prazos para o envio dos dados pedidos podem ser diferentes de acordo com o porte e com o faturamento de sua empresa — acesse o portal do eSocial criado pelo Governo Federal para sanar suas dúvidas.

E então, gostou deste texto? Já entendeu por que você precisa se enquadrar? Considere utilizar um sistema ERP online para otimizar os processos internos de sua empresa e deixá-la organizada para o eSocial!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here